Notificar incidente

Conselho Consultivo e Parceiros

Como modelo de governança, o Observatório de Cibersegurança funciona em duas esferas:

Conselho Consultivo: constituído por académicos de cada uma das áreas científicas das Linhas de Observação, tem como missão avaliar, propor e discutir indicadores, pesquisas e produtos, bem como sugerir a elaboração de documentos e a realização de encontros. O Conselho Consultivo deve trabalhar como conjunto, mas, eventualmente, poderá ser dividido em grupos de trabalho setoriais.

Atuais membros do Conselho Consultivo:

Alexandre Sousa Pinheiro (Professor Universitário em Direito);
António Brandão Moniz (Faculdade de Ciências e Tecnologia – Universidade Nova de Lisboa);
José Luís Garcia (Instituto de Ciências Sociais – Universidade de Lisboa);
Luís Antunes (Faculdade de Ciências – Universidade do Porto);
Manuel Mira Godinho (Instituto Superior de Economia e Gestão – Universidade de Lisboa);
Maria Eduarda Gonçalves (ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa);
Paulo Esteves-Veríssimo (Universidade do Luxemburgo);
Pedro Miguel Alves Ribeiro Correia (Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas – Universidade de Lisboa);
Sandro Miguel Ferreira Mendonça (ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa).

Parceiros: numa lógica de envolvimento da comunidade, pretende criar-se relações no âmbito do Observatório de Cibersegurança com entidades da sociedade civil, com as quais se procura contactar e estabelecer parcerias. Estas entidades podem contribuir de três modos diferentes, dependendo das suas características, para o conhecimento sobre a cibersegurança em Portugal: produzindo estatísticas; desenvolvendo I&D; ou mediando a recolha de dados junto dos públicos-alvo.